SOLSTÍCIOS E EQUINÓCIOS

TRANSFORMAÇÃO A CADA VIRADA DE ESTAÇÃO

71281647_2569248336473245_32768821750724
71404969_2569248036473275_86278018755398
70889204_2569249293139816_54750286602955
70778647_2563563320375080_78129090718156
70600403_2563563480375064_24622415847127
70464594_2563563567041722_38700991109209
55840538_2260682210663194_10597061715243
54356056_2260682127329869_21473533386922
21768574_1572574256140663_50123143063971
13445487_1138315322899894_68660945177212
54070313_2260682543996494_27615944315125
48982672_2120929637971786_21377857707594

Desde o começo dos tempos, nas sociedades animistas ou, podemos dizer também, nas sociedades xamânicas, temos sido conduzidos por nossas almas a explorar a nós mesmos, nossos pensamentos, sentimentos, nosso mundo e uns aos outros. Há um desejo constante - um chamado no coração - de descobrir quem somos e porque existimos. Esta é a nossa jornada, de descobertas, crescimento, mudanças e evolução.

 

Em cada virada de estação, ocorre um chamado interno para uma profunda reflexão de como estamos conduzindo nossas vidas e, dentro deste ciclo planetário, que independe do que cada uma pratica ou qual religião segue, passamos por uma profunda transformação, da qual não damos conta, pois estamos em uma condição de sobrevivência levada por obrigações do dia a dia, a de existir, pagar contas, educar filhos, com medos, insatisfações e a busca eterna de ser feliz.

 

Cada estação mexe, profundamente, com diversos setores de nossas vidas.

 

Outono: abrimos o ano celebrando a renovação e o renascimento. É o momento em que as folhas caem, onde abandonamos aquilo que não nos serve mais. É época de grandes colheitas, onde os dias voltam a ficar mais curtos e as folhas e frutas, já amadurecidos, começam a cair no chão.

 

Inverno: é uma estação preciosa, onde temos a possibilidade de nos recolher, refletir e ir para dentro de nós mesmos. É momento de introspecção, de descanso e, ao mesmo tempo, de trazer a nossa força para re-criar o que precisamos.

 

Primavera: momento do despertar, do desabrochar, do florescer, de dar as boas vindas à nova estação e ao novo que podemos criar para nossa vida.

 

Verão: oportunidade do contato com o verdadeiro espírito do amor e da compaixão, com a alegria da chegada do sol. É época também de rever o que realizamos e planejar o que queremos realizar para o Novo Ano. Momento de crescimento, alegria e expansão.

 

É incrível como não damos a atenção a esta oportunidade que a grande Mãe Terra nos cria. É fácil percebermos estas mudanças em nossos corpos. Podemos dizer que, de três em três meses, temos uma grande oportunidade de reciclar conceitos, valores, sentimentos e decisões da vida em um plano geral.

 

Não paramos para pensar que, se estas viradas de estações interferem em todas as formas de vida no planeta, também passamos por elas, independentemente da nossa vontade, já que fazemos parte da rede da vida.

© 2020 por Canaliza Digital.Todos os direitos reservados.

  • Aos Filhos da Terra
  • Sthan Xannia
71404969_2569248036473275_86278018755398