Apanhador dos Sonhos - Dreamcatcher

November 8, 2014

 

História e Significado

 

O significado passa desde a sua história, lenda de filtro dos Sonhos (dreamcatcher), como pela sua manufatura e pela Fé depositada neste instrumento de poder. Vale lembrar que esse instrumento existe em diversas tribos diferentes, de forma que há diversas lendas e formas de tecer, diferentes da que está descrita abaixo.



Apesar dos Catadores de sonhos ou filtro dos sonhos terem a sua origem no povo Ojibwa durante o período do movimento panameríndio (pan-Indian Movement, em inglês) nas décadas de 1960 e 1970, esses objetos chamados de Asubakatchin, foram adoptados por muitos outros grupos e nações indígenas da América do Norte, sendo considerado um símbolo de união e de confraternização entre os povos ameríndios do norte do continente. Muito embora, certos indivíduos e povos indígenas tenham expressado a opinião de que houve uma super-comercialização desse objeto e que o catasonhos perdeu a sua autenticidade, para poder servir de emblema geral aos povos originais da terra.

Atualmente, muitas lojas vendem filtros de sonhos, alguns industrializados com penas coloridas, espelhinhos. No entendo existem aqueles mais tradicionais, mais rústico, feitos artesanalmente com cipós colhidos, com preces e orações. 



O apanhador ou caçador de sonhos, filtro de sonho, dreamcatcher, é um objecto realizado artesanalmente com base num aro em forma de círculo ou lágrima e uma teia tecida em diversos formatos diferentes.



O arco poderia ser coberto com diversos materiais diferentes, como camurça, couro ou tiras de peles de animais.

 

A rede era tramada com fios feitos a partir de tendões de veados e eram ligadas ao aro de diversas formas diferentes como: 5 pontos formando um pentagrama (Estrela de Salomão); 6 pontos formando um hexagrama (Estrela de David); 7 pontos representando 7 profecias; 8 pontos representando as 8 pernas da aranha; 13 pontos representando as 13 luas. A variação acontecia conforme cada tradição e cada intenção.



Depois ele era adornado com diversos materiais, peças e objetos de valor simbólico como pena de aves, pedras, conchas, ervas, ossos, outros tipos de pele, missangas, contas, estrela do mar, objetos pessoais e objetos sagrados.



Cada parte do Dreamcatcher, bem como os materiais empregados na sua construção e adornos, eram cuidadosamente escolhidos pelas suas atribuições mágicas e simbologia. As peles de animais e as penas, por exemplo, eram consideradas dádivas dos respectivos animais de poder, transportando consigo determinados dons que deveriam ser passados às crianças. As penas e plumas também traziam a representação do amor, a doçura e a proteção.



Segundo Jung, a mandala encontra-se na própria alma humana, aparecendo nos sonhos e em diversas imagens criadas pelo nosso inconsciente. As rodas, ou círculos representam, o Círculo da Vida e a totalidade. O círculo também é o símbolo do Sol, do Céu e da Eternidade. No simbolismo ancestral o círculo é o símbolo do espaço infinito, sem começo e sem fim. Qualquer que seja a representação simbólica em qualquer era e em qualquer cultura, um Círculo de Poder, serve como um espelho, onde podemos ver o reflexo do Universo e o Grande Tudo, que contém a totalidade, trabalhando para o entendimento dos mistérios da vida, do cosmos, e das leis naturais. O Centro da Teia corresponde ao Grande Mistério, ao Criador - a Força que abrange o Universo inteiro.

 

 

 

Sendo um amuleto que se destina a afastar (queimar) os sonhos maus ou pesadelos, destina-se sobretudo às crianças e jovens, sem embargo de ser utilizado por adultos que sofrem de mau dormir e que costumam ter pesadelos. Deve ser colocado no quarto de dormir e pendurado sobre a cama ou na parede junto à mesma.


Geralmente são colocados onde a luz bate pela manhã, em frente à janela. Os nativos ensinam-nos que os sonhos passam pelo furo, no centro, enquanto os maus sonhos ficam presos na teia e dissipam-se à luz do amanhecer. Assim, poderá colocá-lo no seu quarto, escritório, ou até no berço ou carrinho do bebé.

Os nativos americanos ensinam-nos que os bebés ao verem a pena a balançar com o vento, entretêm-se e aprendem a importância do ar.


Coloque o seu filtro de forma ritualística. Isso é o que diferencia um adorno de um instrumento de poder. Purifique, anteriormente, o ambiente e o próprio filtro, colocando a sua intenção. Faça a sua própria cerimónia e peça proteção para o lar, família e pensamentos.



No Xamanismo, evoca-se a essência espiritual da aranha para compreender melhor a "teia da vida", para evocar a criatividade e a imaginação. Inspira a visão e o poder para trazer nossos sonhos até a realidade. Para se obter independência e coragem, para rompermos com armadilhas que criamos, sejam emocionais ou espirituais. Para rompermos a teia da ilusão, construirmos novos sonhos, para sonharmos mais, para tecermos a nossa própria vida.

 

 

 

 

 

Please reload

 Posts em Destaque

Massagem Nativa ( Xamânica)

April 17, 2015

1/9
Please reload

 Posts Recentes

April 6, 2018

June 25, 2017

June 13, 2016

December 10, 2015

November 20, 2015

November 19, 2015

November 15, 2015

September 16, 2015

September 16, 2015

Please reload

Arquivos
Please reload

Pesquisa por Tags